Consumo de frutas aumentam por conta do calor


Últimos Vídeos

24/01/2019
PREGÃO PRESENCIAL N.º 017/2018

24/01/2019
PREGÃO PRESENCIAL N.º 018/2018

24/01/2019
PROCEDIMENTO LICITATÓRIO N.º 005/2018

ver todas as licitações em andamento.
 
  Jasmim da Índia

O jasmim da índia (Quisqualis indica) é uma planta ornamental que apresenta um florescimento muito exuberante quando florido. Sua floração acontece no período da primavera e verão, inicialmente com as flores saindo na cor branca, e que, com o passar dos dias, tornam-se rosas e após, vermelhas, permanecendo, então, a planta florida com três cores de flores, muito vistosas. Outra característica agradável da planta é que, quando florida, também apresenta um suave perfume.
 
Paisagisticamente o jasmim da índia pode ser utilizado tanto como uma planta arbustiva, como também aceita ser conduzido como trepadeira, em função de sua longa ramagem, deixando, assim, o local no qual está plantado com um visual muito bonito. Para isto, devemos conduzi-lo em suportes ou outro apoio para que tenha um comportamento de trepadeira.
 
Para ser mantido como planta arbustiva deverá ter sua longa ramagem podada pelo menos uma vez ao ano após o florescimento. Desta forma, como arbusto, chega a atingir de 2 a 3 metros de altura.
 
O jasmim da índia pode ser plantado paralelamente a cercas, alambrados e muros ou em jardineiras suspensas de tamanhos grandes, pois quando é utilizado como trepadeira geralmente não é podado apresentando um crescimento com grande volume de ramos, folhas e flores.   
 
É uma planta que não exige muitos cuidados, mas deve ser plantada em solo fértil, sendo recomendada também uma adubação anual para fortalecer o florescimento na primavera e no verão. Pode ser cultivada a sol pleno com regas de água diárias no verão, e, no inverno, as regas devem ser diminuídas.
 
É encontrado no Mercado Permanente de Flores da Ceasa Campinas sendo comercializado em mudas unitárias, com tamanhos que variam de 50 centímetros a 1 metro de altura.

 

Autor: Ana Rita Pires Stenico, engenheira agrícola e gerente do Mercado de Flores da Ceasa


+ Dicas

 

Desenvolvido por: CiaPixel Agência Digital