Aula show para os alunos da cozinha Ceasa-USF


Últimos Vídeos

01/08/2018
PROCEDIMENTO LICITATÓRIO Nº 001/2018

27/07/2018
CONCORRÊNCIA PÚBLICA N.º 002/2018

29/06/2018
CONCORRÊNCIA PÚBLICA N.º 001/2018

ver todas as licitações em andamento.
 
  Pinha

 Pinha também conhecida como fruta-do-conde no Brasil ou fruta-pinha em Angola é uma árvore frutífera do gênero Annona originária da América Central.

O nome "fruta-do-conde" comum no Brasil, deve-se ao fato da primeira muda da espécie ter sido introduzida em 1626, na Bahia, pelo governador Diogo Luís de Oliveira, o Conde de Miranda.

A vida útil após a colheita do fruto é curta, entre 3 a 5 dias. É uma fruta consumida ao natural, por isso sua qualidade é importante, não se devendo comprar frutas verdes ou muito moles ou escuras. Os gomos se soltam mais fáceis da casca (com a própria mão) quando a fruta está madura. O armazenamento pode ser feito sob refrigeração e a polpa pode ser congelada. É comercializada em maior volume entre janeiro e maio.

A Pinha é uma boa fonte de carboidratospotássiocálciofósforo e ácido ascórbico. A polpa é doce e amarelada, geralmente consumida em estado natural ou pode ser usada no preparo de geleias, licores, tortas, sucos e sorvetes.

 


Frapê de Pinha

Retire a semente do gomo (Ponha um pouco de gomos numa peneira e com uma espátula vá esfregando os gomos contra as laterais da peneira para retirar os caroços ou basta pulsar rapidamente os gomos no liquidificador com um pouco de leite, coando a mistura em seguida).

 Junte no liquidificador a polpa cremosa obtida com ½ litro de leite gelado, 1 forma de cubos de gelo e 3 colheres de sopa de açúcar. Bata e beba imediatamente!

 

https://piteucozinhafetiva.com  acessado em 13/03/18

https://pt.wikipedia.org/wiki/Fruta-pinha   acessado em 13/03/18

http://www.todafruta.com.br/pinha acessado 13/03/18

 

 

 

Autor: Luciana Martinuzzo - nutricionista CRN 6119


+ Dicas

 

Desenvolvido por: CiaPixel Agência Digital