Projeto social no Ceasa prepara alunos para mercado de trabalho


Últimos Vídeos

18/12/2018
PREGÃO PRESENCIAL Nº 014/2018

13/12/2018
PROCEDIMENTO LICITATÓRIO N.º 007/2018

14/11/2018
PREGÃO PRESENCIAL N.º 012/2018

ver todas as licitações em andamento.
 
  Acelga

acelga2.jpgA acelga, também conhecida como beterraba branca, é uma verdura pouco consumida no Brasil. Seu uso tem se restringido à decoração de saladas ou apenas ao consumo do talo, como tira-gosto. No entanto, é uma hortaliça rica em nutrientes e de sabor agradável e versátil com a qual podem ser feitos inúmeros pratos. Muito cultivada na América do Sul, também é conhecida como couve chinesa, é abundante e muito utilizada na culinária oriental.

Fonte de vitaminas A, C, niacina e de sais minerais como cálcio, fósforo e ferro, a acelga tem poucas calorias  - apenas 28 calorias em 100 gramas da verdura. Possui ainda quantidades significantes de fibras que auxiliam no funcionamento do intestino e contribui na redução de alguns tipos de câncer.  A vitamina A é indispensável para a normalidade da visão, conserva a saúde da pele e das mucosas, auxilia no crescimento e faz parte da formação do esmalte dos dentes. A vitamina C dá resistência aos vasos sanguíneos, age contra infecções, evita problemas da pele, hemorragias e contra a fragilidade dos ossos e dentes. A niacina, assim como todas as outras vitaminas do complexo B, evita problemas do aparelho digestivo e do sistema nervoso. Pelo seu conteúdo de ferro, auxilia no tratamento da anemia e também diminui o perigo de mulheres grávidas terem bebês com anomalias pois possui ácido fólico.

Em bom estado, a acelga deve ter as folhas novas, de cor verde-clara e talo verde-esbranquiçado. Sua consistência é firme, parecida à do repolho, de tal forma que estale quando se quebra o talo. As folhas mais tenras podem ser consumidas cruas, em saladas. Podem também ser cozidas ou refogadas. Os caules podem ser consumidos fritos, cozidos ou em sopa de legumes. Dela aproveitam-se folhas e talos, crus, cozidos, refogados, em sopas, saladas, charutinhos.

A melhor maneira de conservar as propriedades (vitaminas e sais minerais) da acelga é cozinhá-la em pouca ou nenhuma água, assim como com as outras verduras. Melhor ainda se puder cozer em vapor. Um bom laxante é feito com meio copo de suco de acelga com uma colher de azeite. Quando comer a acelga crua é recomendado que a mastigue muito bem, para evitar fermentação intestinal.

As folhas internas devem estar viçosas, sem manchas ou marcas de insetos. Quando o talo está mole ou com manchas pretas, é sinal de que a acelga já está passada. Para saber quanto comprar, calcule 1 maço de acelga para cada 4 pessoas.

Guarde a acelga na gaveta de verduras da geladeira. Ela se conserva em bom estado durante 5 a 7 dias. Para conservá-la por mais tempo é necessário congelá-la.

Receita

Salada Oriental de Acelga

Ingredientes:

  •  Â½ acelga
  •  1 cenoura
  •  1 pimentão verde
  •  Â½ cebola
  •  sal e pimenta do reino a gosto
  •  suco de 1 limão
  •  4 colheres (sopa) de óleo de canola ou outro de boa qualidade
  •  3 colheres (sopa) de shoyu (molho de soja)
  •  2 dentes de alho

Modo de Preparo:

  • Lavar as folhas de acelga, secar bem e cortar em tirinhas de mais ou menos meio centímetro.
  • Ralar a cenoura no ralo grosso.
  • Cortar a cebola e o pimentão em fatias finas.
  • Colocar tudo numa saladeira grande e misturar todos os ingredientes. Temperar com sal e pimenta e espremer o limão. Reservar.
  • Picar os dentes de alho bem miudinho. 
  • Numa pequena frigideira, colocar o óleo e o alho e levar ao fogo baixo para refogar.
  • Em seguida, despejar esta mistura quente sobre a salada e adicionar o shoyu.

 

Autor: Graciela Lopes, nutricionista


+ Dicas

 

Desenvolvido por: CiaPixel Agência Digital