Consumo de frutas aumentam por conta do calor


Últimos Vídeos

24/01/2019
PREGÃO PRESENCIAL N.º 017/2018

24/01/2019
PREGÃO PRESENCIAL N.º 018/2018

24/01/2019
PROCEDIMENTO LICITATÓRIO N.º 005/2018

ver todas as licitações em andamento.
 
  Barba de Serpente

A barba de serpente (Ophiopogon jaburan) ou ofiopogo é uma herbácea nativa do Japão, que atinge até 50 cm de altura e está muito bem adaptada ao Brasil. Vem apresentando, nos últimos anos, excelente aceitação entre os paisagistas para utilização em projetos paisagísticos.

 

A floração da barba de serpente ocorre com pequenas flores brancas e sem valor ornamental. O que confere beleza e chama a atenção, na planta, são as suas folhas estreitas e longas, sendo a variedade "variegata" a mais procurada, em função das folhas apresentarem estrias de cor verde e branca. Em função disso, pode compor belos arranjos paisagísticos, quando combinada com outras plantas.

 

Pode ser plantada a sol pleno ou meia sombra e em terra com boa adição de matéria orgânica. Nos projetos paisagísticos é utilizada como bordaduras, formando maciços, ou acompanhando muros ou passagens.

 

Esta planta é muito parecida com a Liriope muscari, também conhecida como barba de serpente, chegando algumas vezes até serem confundidas.

 

É encontrada no Mercado Permanente de Flores da Ceasa-Campinas comercializada em caixas com 15 mudas, com até 20 centímetros de altura, ou unitariamente em embalagens plásticas com até 40 centímetros de altura.  

 

Autor: Ana Rita Pires Stenico, engenheira agrícola, gerente do Mercado de Flores da Ceasa


+ Dicas

 

Desenvolvido por: CiaPixel Agência Digital