PABX:(19) 3746 1000
     
 

Palestras e debates marcam o Dia Mundial da Alimentação


Últimos Vídeos

16/10/2014
PREGÃO PRESENCIAL Nº 005/2014

13/10/2014
CONVITE Nº 016/2014

03/10/2014
CONVITE Nº 015/2014

ver todas as licitações em andamento.
 
          Veja as novidades abaixo

Dia das Mães movimenta Mercado de Flores

Segundo a gerente do espaço, Ana Rita Pires Stenico a estimativa é de um crescimento no comércio em torno de 15% em relação ao ano passado. Ela explica que o movimento nas semanas que antecedem o Dia das Mães chega a dobrar em relação a épocas normais. "A média de freqüentadores do Mercado de Flores sobe de 800 para cerca de 1.600 pessoas por dia. Só na semana anterior à data são esperados 12 mil clientes e vendemos em torno de 90 mil dúzias de rosas, bem acima das 40 mil dúzias comercializadas em outros períodos", avalia a gerente.

O Dia das Mães é a melhor data para o setor e, segundo Ana Rita, se mantém principalmente devido à tradição de presentear ou de completar as lembranças com flores. "Elas têm uma simbologia de carinho e afeto muito fortes. Por isso, é muito comum ver filhos e maridos comprando algum produto como roupa ou celular mas sempre acompanhados de flores para homenagear as mães", explica. Só em rosas, a flor mais procurada para a data, são ofertadas no Mercado em torno de 2,4 milhões de botões. "No ano passado tivemos um aumento médio de cerca de 8% no volume de rosas comercializadas. Foram 2.486.364 botões ofertados no mês de maio", conta a gerente.

Outra flor que se destacou em 2007 para a data foi o lisiantos. Foram comercializados 20.772 maços da flor com um aumento de 31% puxado também pelas vendas para decoração de casamentos que aumenta muito em maio. Conforme Ana Rita, tem aumentado a aceitação do lisiantos pois é uma flor delicada e sofisticada ao mesmo tempo. Para o Dia das Mães também cresce a venda de gérberas e das plantas em vasos como orquídeas, begônias, violetas, prímulas e um pouco de crisântemos para o uso em cemitério. A forma mais tradicional de presentear flores para a data são os bouquetes e por isso há um aumento da venda complementos para montagem como tango, gipsofila e folhagens.

Última hora

O permissionário da Central da empresa Mart Flora, Rogério Martins, aposta na próxima semana em um aumento de cerca de 12% nas vendas de seus produtos em relação ao ano passado. Ele acredita que a ampliação das ações de divulgação do setor vão refletir no comércio. "Como flores são perecíveis, a procura por elas acaba sendo mesmo de última hora", explica. As flores mais procuradas nos seus boxes são as violetas, as rosas e os lírios.

E não são só os comerciantes de flores que estão felizes com a chegada do Dia das Mães. O setor de acessórios do Mercado de Flores da Central que comercializa papéis, vasos, cestas, fitas e outros produtos para floriculturas, decoração e paisagismo também sente os reflexos da data. Segundo o gerente do box Favaro Embalagens, Rodrigo Machado, o movimento vem crescendo desde o início desta semana. "As vendas já aumentaram cerca de 30%", conta. Ele explica que para atrair clientes é preciso investir em novidades. "Freqüentamos feiras para trazer produtos novos a nossos compradores. Este ano trouxemos materiais inéditos como cachepôs importados. Além disso, optamos por buscar novas estampas de papéis decorativos, que acabam chamando a atenção do consumidor", disse.

Horário


O Mercado de Flores da Ceasa-Campinas vai funcionar em horário normal para o público em geral: às segundas e quintas-feiras, das 13h às 16h30 às terças, quartas e sextas-feiras, das 8h às 16h30 e aos sábados das 8h às 13h. Para dar conta da demanda os horários para carregamento e descarga de permissionários e clientes cadastrados será ampliado. Para descarregar produtos o Mercado fica aberto o dia todo em 4 e 7 de maio (domingo e quarta-feira) até às 4 horas dos dias 5 e 8 de maio. O início da comercialização (carregamento) para clientes cadastrados começará às 4 horas nos dias 5 e 8 de maio (segunda e quinta-feira) e não às 6h30, como é realizado normalmente. O telefone do Mercado de Flores para outras informações é o (19) 3746-1047.

Serviço


Com mais de 20 mil clientes por mês e sete mil cadastrados, o Mercado de Flores da Ceasa-Campinas é o maior espaço permanente do setor na América Latina. Movimenta em média R$ 8 milhões por mês oferecendo mais de 20 mil itens de flores cortadas e em vasos, plantas para paisagismo, mudas e outros cinco mil itens de acessórios para decoração, jardinagem e floriculturas. Conta com 375 atacadistas e 504 boxes (pontos de venda) em um espaço de 28,6 mil metros quadrados com total infra-estrutura: plataformas de carga e descarga cobertas, câmara fria, depósitos e amplo estacionamento.

Envie esta notícia para outra pessoa
Seu Nome
Nome da pessoa
E-mail da pessoa
 


Imprimir esta notícia
ver mais notícias

Topo

Desenvolvido por: CiaPixel Agência Digital